fbpx

Alex Redano diz que assume no “olho do furacão” e cobrança pelo desfecho do caso Lebrão

Alex Redano diz que assume no “olho do furacão” e cobrança pelo desfecho do caso Lebrão

ENTREVISTA

Deputado Alex Redano (Republicanos), atual vice-presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia.

“Realmente é complexo tomar posse no olho do furação”, diz o deputado sobre a pandemia. Ele assumirá a presidência do Legislativo nesta segunda, 1º de fevereiro.

No segundo mandato de deputado, três vezes vereador de Ariquemes, Alex Redano (Republicanos), atual vice-presidente da Assembleia Legislativa, assume nesta segunda-feira, 1º, a presidência do parlamento rondoniense pelo biênio 2021-2022 num ambiente de crise sanitária do novo coronavírus e ano pré-eleitoral. Atenções estarão voltadas, ainda, para a solução do caso do deputado Euripedes Lebrão (MDB), flagrado em setembro passado com dinheiro que a Polícia Federal diz ser propina e que responde a processo no Conselho de Ética. O deputado falou ao Blog no sábado, 30:

Blog da Mara – O senhor assume para um mandato de 2 anos, ainda num ambiente de pandemia e num ano pré-eleitoral, quando as atenções no parlamento ficam focadas nas eleições. Como pretende dar andamento a sua gestão a partir do dia 1º de fevereiro com estas duas situações?

Alex Redano – Realmente é complexo tomar posse no olho do furação, estou  acompanhando a situação da dificuldade de leitos, e pior ainda a falta de médicos e dificuldade de comprar medicamentos. Em Ariquemes conseguimos fazer estoque mas estamos com dificuldade de contratar médico. Não será fácil. Outro ponto que você tocou é muito complexo, é a questão das eleições. As pessoas neste momento começam a ser organizar, e queira ou não isso realmente acaba interferindo em vários assuntos. Eu tenho o pensamento, desde o primeiro mandato de vereador, que cada um faça seu trabalho, independente de questão partidária, em conjunto, harmonia, e quando chegar o pleito eleitoral cada um terá seu palanque. É importante fazer essa divisão, quero conversar com os deputados neste sentido, para deixar de lado realmente o plano eleitoral, e obviamente chegando próximo as eleições cada um tenha seu palanque; não é fácil, mas vou tentar obter esse consenso.

Blog da Mara – A Assembleia Legislativa contribuiu para a pandemia ao repassar recursos para instalação de leitos no Hospital do Amor. O senhor tem em mente alguma ação nesse sentido? Vai dar continuidade do trabalho do deputado Laerte Gomes e há algum projeto que gostaria de ver implementado em sua gestão na presidência?

Alex Redano – Vou dar continuidade em grande parte ao trabalho do deputado Laerte Gomes, especialmente na questão organizacional, ele foi um grande gestor, organizou muito a Casa, vou pegar a casa bem organizada. Sobre ações para continuar contribuindo com o enfrentamento da pandemia com recursos da Assembleia Legislativa vou sentar com os deputados para verificar a evolução do orçamento da Casa e, se for possível, vamos ajudar o Estado com os recursos do parlamento.  Eu tenho projetos grandes de aproximação do Poder Legislativo com o povo, com a população, com os bairros, municípios e distritos. Pretendo colocar em prática, são vários projetos neste sentido.

Blog da Mara – O senhor é relator no Conselho de Ética do caso Lebrão (MDB). Assumindo a presidência, deixa a relatoria?  Na presidência do parlamento, como conduzirá o caso em que se pede a cassação do mandato do deputado?

Alex Redano – Sim, sou relator, e é preciso cumprir o prazo de defesa. São dez sessões, e se não me engano ao final de fevereiro ou março são concluídas as dez sessões.  Mas como vou assumir a presidência vou ter de abrir mão da relatoria. Vai ter um novo relator. É importante que o relator aponte e coloque em votação essa situação. Nós estamos sendo muito cobrados pela população, pela mídia, mas temos de obedecer os prazos. Sei que é difícil para a população entender, mas se não respeitamos os prazos todo o processo pode ser considerado nulo pela justiça.

Deixe um comentário

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print